O RESGATE ESTRATÉGICO DO RH

''Se queremos transformar clientes em parceiros, devemos ser uma empresa integrada.'' (Gilclér Regina)

--------------------------------------------------------------------

Quando você pensa em preparar a empresa para futuras gerações, diminuindo o grau de dependência do relacionamento dos fundadores, torna-se fundamental a posição estratégica do trabalho do RH.
Infelizmente em várias empresas, numa posição de crise do setor, o RH é desidratado quando não, eliminado, acreditando ser apenas uma área que guarda resquício do departamento pessoal do passado. Um equívoco.
Tanto é verdade que em muitas empresas a posição de RH chega somente a condição de gerente e nunca de diretoria.
A integração com o negócio da empresa é fundamental e a visão do treinamento tem que necessariamente estar identificada com as necessidades de cada setor. As vezes passa por garimpar talentos primeiro dentro do quadro, depois fora.
Se queremos transformar clientes em parceiros, devemos ser uma empresa integrada. É aí que funciona encontros regulares da equipe interna e mesmo dos RHs e equipes em outros eventos proporcionando uma nova visão com conteúdos que contribuam para empoderar os profissionais de cada setor.
Se você não aprimorar a comunicação da negociação no âmbito corporativo, corre o risco de virar comida de concorrente, com seu pessoal que sofre assédio seja de fornecedores, ou de outros concorrentes mesmo, para mudar de bandeira.
É fundamental entender que isso contribui como suporte real para a realização de resultados de todos os setores da empresa. E empresa vive de resultados. E resultados precisam de pessoas motivadas e um ambiente de preferência amistoso e acolhedor.